JOÃO PESSOA, PRAIA DO JACARÉ

Passeio turistão da viagem à João Pessoa: ver o pôr-do-sol na Praia do Jacaré (que nem é praia, é o Rio Paraíba) em Cabedelo, município próximo à Jampa. Por que turistão? Porque a galera se aglomera pra ver o pôr-do-sol, mas a estrela maior aqui é um tal de Jurandy do Sax (ah, se me pegam falando assim. O Jurandy é uma unanimidade na Paraíba!) que, às 17h20, sai de algum lugar do rio na sua canoa tocando Bolero de Ravel com seu instrumento (agora vai saber se é playback ou de verdade né...). 

Não tô implicante não gente, mas é que não curti muito esse programão não. Primeiro, tem que fechar um passeio com alguma agência pra te levar e trazer ao hotel. É longe e sem condições de ir por conta própria. Tem a vantagem da comodidade, mas é muito corrido. Depois porque ficam uns barcos no rio, uns catamarãs que estragam qualquer visual, qualquer foto que tentei fazer deu errado. E por último, que a impressão é que o Jurandy não está ali muito preocupado com o povão não, na verdade tem uns restaurantes quase dentro do rio cheio de gente que pagou um covert artístico de R$7,00 pra ter o "privilégio" de vê-lo de perto. Háaaa, total pega-turistão!

Tá, o lugar é uma graça, tem uma feirinha deliciosa, lojinhas de souvenirs, tem a Art Container bem na entrada que vale a visita e uma parada na Bonitinha das Tapiocas antes do espetáculo. Mas, é tudo muito corrido, eu queria ter ficado nesse lugar a tarde toda andando sem pressa... Se um dia eu voltar, nem vou me preocupar com o Jurandy não. Vou sem pressa, ficar lá no canto esquerdo perto do fim da feirinha, longe do povo, pra curtir o verdadeiro espetáculo, que é o pôr-do-sol.


Look: vestido maria Filó, rasteira Arezzo, cinto Farm, colar Escudero, bolsa Osklen

JOÃO PESSOA, LITORAL SUL

O litoral sul de João Pessoa é um passeio daqueles imperdíveis. As praias mais bonitas da região estão aqui. Aí você decide se quer buggy (um pouco mais caro) ou um carro de passeio, mas que não passa por todas as praias. Optamos pelo carro, mas confesso que me arrependi um pouco. O buggy teria mais emoção (Bjs, Natal!) e mais lembranças. 

O roteiro desse dia foi: 

  • Praia do Amor; uma passada rápida para fotos e passar pela pedra furada (dizem que dá sorte no amor, então tá!) 
  • Mirante e Praia do Coqueirinho: quando chega no mirante você acredita que está no paraíso, aquele mar verdinho e calmo lá embaixo, aquela fileira de coqueiros, mas ao descer uma ladeira enorme, descobre que de perto, tudo foi tomado pelas barracas, churrasqueiras e inúmeras caixas de isopor das famílias que chegam em massa. Em uma época calma deve ser a praia mais bonita da região, e eu sei que posso estar sendo um pouco chatinha, mas é que esperava algo mais calmo, cheio porque estamos no carnaval, mas com menos farofada.
  • Cânion do Coqueirinho: O Arizona é aqui! Parada pra fotos desse local único, as formações rochosas de cor avermelhada que lembram os cânions americanos.
  • Praia de Tambaba: a praia naturista do Nordeste (leia-se praia de nudismo) que é democrática, porque se você não tá a fim (o que era, claro, o meu caso) é só ficar na primeira parte da praia, a dos vestidos. A outra parte, a dos pelados, nem cheguei perto. Mas, fica a seu critério!
  • Barra do Gramame: o local que mais gostei, bem rústico e onde o rio Gramame, bem calmo, encontra o mar, um pouco bravo eu achei. Bom mesmo é depois do almoço em uma das três ou quatro barracas do local, relaxar na água morna e doce do rio.
E o que faltou conhecer? A praia de Jacumã (mais urbana e com mar bravo), Carapibus (dizem que é uma das mais bonitas, com os corais na maré baixa, piscinas naturais...) e Tabatinga (mais deserta e com falésias, linda também). Aí sim, o roteiro ficaria completo. Mas, ok. O lado bom é que, com menos paradas, pudemos curtir por mais tempo as praias que passamos. 

Look: top Farm; short Dress to para C&A; biquini Salinas

JOÃO PESSOA, PARAÍBA

Jampa!
No carnaval, fujo das aglomerações de blocos e gente suada (fresca!) e procuro um lugar calmo, pra curtir praia, relaxar, sem muvucada... Desde que viajei pra Punta Del Leste (2013) e Natal (2014) passei a fazer isso nessa época. Dessa vez, a escolhida foi João Pessoa, no Estado da Paraíba. Nordeste, gente! Mar verdinho, águas mornas, povo receptivo, boa culinária, artesanato local e passeios pela região. Como não amar?

No primeiro dia (sábado), eu e minha amiga Monika, andamos pelo centrinho de Tambaú que tem uma orla super animada, com barzinhos, quiosques, sorveterias, tapiocarias. É aqui a feirinha de artesanato e o Mercado de Artesanato Paraibano (de dois andares, em frente ao McDonald's), para as lembrancinhas de viagem.


Pra comer 
Peixe frito com macaxeira e pirão nos quiosques pé de areia da praia de Tambaú, escolha qualquer um. Camarão frito com cervejinha gelada (não lembro o nome do lugar, mas é em frente ao local dos passeios para Picãozinho que é sinalizado com placa). Fiquei tentada no rodízio de camarão do Canoa dos Camarões, na Av. Beira-Mar, mas não fui.

Na praça principal, tem um centro de comidinhas e várias tapiocarias frequentado pelos locais (uma grande praça de alimentação, na verdade!). Experimentei a da Rainha da Tapioca, mas não curti muito não. A tapioca que comi no Cabedelo dá de mil a zero.

À noite, experimentei a pizza do Nonna Anaia, deliciosa e forno a lenha (na Avenida Beira-Mar em Tambaú). Em Cabo Branco, fui no restaurante Pontal de Cabo Branco, com música ao vivo. Pedimos a tábua de camarões e caipiroska de siriguela + Absolut.

Em Manaíra, um pouco distante de Tambaú (a próxima orla), tem que ir no Mangai, um restaurante a quilo, bem decorado (e disputadíssimo) com todas as comidas nordestinas que você pode imaginar. Peça o suco de siriguela!

Há várias sorveterias em Tambaú, experimentei os sabores locais: tapioca, mangaba, cupuaçu, cajá...E claro, água de coco, baratinha. Porque a Paraíba é lotada de coqueiros por toda orla e praias.
Pra sair à noite?
A orla de Tambaú fica bem animada e é uma opção para um passeio. Tem um Devassa há duas ruas paralelas à orla com "forró do turista" às segundas. Estava lotado e o couvert artístico era 25 realidades! Na frente da feirinha tem o Empório Café, uma espécie de bar lounge com DJ.

Me falaram que o litoral sul bomba, mas não sei onde exatamente. Em Bessa (orla depois de Manaíra), há locais que tocam forró (me indicaram o Chopp Time, mas não fui). Se for, volte pra contar porque fiquei curiosa. 
Procure pelas esculturas do artesão Ricardo no Mercado de Artesanato Paraibano

Look: bata e short Farm; óculos Ray-Ban; rasteira Arezzo; bolsa Osklen

PRÉ-CARNAVAL GLAMOUR

A Revista Glamour armou um pré-carnaval ontem no Copacabana Palace pra lançar a edição de fevereiro com a cover girl Thássia Naves. O clima era retrô com direito a baile de marchinhas e coquetel do Copa. #carnavalostentação 

Todos os cliques são do Paulo, @capitaozeferino, que arrasa sempre (já estão seguindo o canal deles no Youtube?). No convite a dica da festa era uma "folia retrô, capriche na sua fantasia, máscara ou adereço de cabeça". Confesso que o fato de ser no Copa me assustou um pouco com o dresscode. Sabia que não era um Baile da Vogue, mas também não é fantasia de bloco né?! Então, optei por um look mais chiquezinho, com vestido midi Andrea Marques, sandália alta Arezzo (orgulhosa de mim!), clucth basiquinha e uma tiara fascinator que comprei pra minha irmã em Canden Town, Londres (sabia que um dia seria útil!). 

Make e cabelo por minha conta e nada além de um baby liss básico. No make, côncavo marcado com sombra bordô (blackberry MAC); pálpebra com tom rosado dourado (palette Sephora), delineador duplo (em cima gatinho e embaixo do meio pra fora paralelo ao risco de cima); cílios postiços; muito iluminador Benefit, blush Orgasm Nars e batom Diva MAC.
ostentando Thassinha na meu blog! kkk

Denis Proença (meu amado, da Dermage) e as meninas Fran, Thálassa e Erica

Look: vestido Andrea Marques; sandália Arezzo; fascinator comprado em Londres (da irmã); brinco Maria Filó

{Fotos: www.capitaozeferino.com.br}

Related Posts with Thumbnails
 
Layout por Dama Blogs feito exclusivamente para o blog Two Sisters - Copyright © 2010.